quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Os atrasos e avanços na proposta da Reforma Política

A Reforma Política continua a todo vapor, até por que tem prazo para ter validade para a eleição do próximo ano, que exige um ano de Lei aprovada. Para mim o maior equivoco é o distritão, que foi aprovado na Comissão com 17 votos a favor e 15 contra, com duas abstenções.  Só favorece aos candidatos ricos e aos atuais deputados.

Mas, também propostas que no meu entender tem avanço, por exemplo. O fim do 1º suplente de Senador, no caso de necessidade de preencher uma vaga no Senado, assumirá o deputado federal mais bem votado no Estado; O fim do vice-prefeito, vice-governador e vice-presidente; Também propõe mudar a data da posse dos eleitos para o dia 7 de janeiro. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O lançamento está próximo!