quarta-feira, 9 de agosto de 2017

A ordem é acabar com os pequenos: Agora será os pequenos partidos

 
A ordem em Brasília é acabar com tudo que seja pequeno, agora estão debatendo a Reforma Política, muitas propostas mas pouco consenso. O único ponto convergente é eliminar os pequenos Partidos, para isso a reforma contém cláusula  de barreira, fim das coligações e a mais perigosa de todas o DISTRITÃO. Uma proposta tão atrasado igual ao Temer, usado em apenas super atrasado com relação a democracia.

Mas os temas não são pacíficos, alguns partidos formaram uma frente independente de serem de oposição ou situação, o que prevalece é a sua sobrevivência. O PT, PCdoB, PSOL, PR, PRB e PHS, juntos somam 142 deputados. Mas, alguns deputados do: PSB, PDT, PSD e REDE, também são contra  o DISTRITÃO. Na verdade muitos partidos vão sumirem com essa nova reforma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O lançamento está próximo!